Ammartins ( Tó ) @ 23:28

Seg, 28/01/08

Sábado, noite de copos (alguns ...poucos ... )


Tal como um bom filme também esta história se baseia em factos reais, logo nomes e locais (ok os locais são verdadeiros) serão fictícios.


Tudo começa com um jantar fora do normal humm logo é anormal ... ???), Roti de vegetais e queijo.

Fica aqui o meu conselho para um bom jantar ( Restaurante vegetariano Psi junto ao Hospital dos Capuchos).

A conversa ao jantar já por si foi algo do outro mundo, de acordo com o Gaylarino ”.

-"Não se pode deixar gorjeta porque se está a fomentar o capitalismo".

Já na altura da sobremesa o colega gaylarino " tem mais uma grande saída.

-"Tem de ser pouco para não magoar os acaros da toalha"


Próxima paragem bairro alto (esquina da bica).

Para começar, nada como ficar perdido no parque de estacionamento e, não é ficar perdido porque não se sabe onde ficou o carro, é perdido por não encontrar a saída de peões para a rua!!!

Chegados ao local (esquina da bica) começa a noite.

Depois de algumas bebidas ...... pronto foi só uma, surge em cena "Calhau" e Lord Seitan", a noite ganha ânimo com as histórias da vida social do "Calhau".

- Epá a miúda veio chorar que a avó faleceu, eu não tenho paciência para isso, quer dizer a miúda se quiser daqui a 3 meses ainda se queixa da avó que faleceu"


A noite acabou perto das 3 da matina :D

 

Gorjeta: diferente de esmola, uma vez que a gorjeta é dada em função de um serviço bem prestado ou da satisfação do cliente.


sinto-me: Com os copos


Ammartins ( Tó ) @ 14:23

Qui, 24/01/08

No ideas, pois é, hoje é um daqueles dias em que acordo e penso para comigo mesmo:
- "Jovem fica mas é na cama".

Pensei mas não agi do mesmo modo, até porque o colega de estudo espera por mim para dar vida ao trabalho final da cadeira de "Computação Gráfica".

Uma maravilha de trabalho, um "Pacman",  mas calma não é um "Pacman " como os outros que vemos por ai.

Por agora fica uma imagem do futuro "pacman ”.

Pacman

 

Sinal que estou velho é o "pacman" ser uma relíquia nos vídeo jogos.


sinto-me: Coder


Ammartins ( Tó ) @ 15:28

Qua, 23/01/08

Já a meio do caminho encontro a “Chefe” para me guiar até ao futuro local de trabalho.

Após uma rápida passagem por gabinetes e gabinetes, começo a conhecer os novos colegas, este é o Gonçalo, esta a Maria, este o Beltrano, este o Sicrano.....


Ainda meio nervoso, e com olhos de quem come informação a uma velocidade de fazer inveja ao TGV, fico a saber que a casa está cheia de pessoal com bom gosto no que toca a futebol .

É verdade!! estão ali muitos que fazem parte dos nove milhões eheheh .


Saio do edifício com ar de quem gosta do que o futuro lhe propõe.

Restam duas semanas para largar maus vícios e camisas, .... vah, algumas só.




Ammartins ( Tó ) @ 21:17

Seg, 21/01/08

Embora pareça a primeira vez, é na realidade uma segunda investida no vasto mercado de trabalho. Já anos antes, não muitos, que ainda só conto 24 (um júnior), tentei mostrar ao Mundo que aqui estava um futuro “senhor trabalhador”.


Portas ainda abertas na universidade, entro em 2008 no maior portal que já encontrei pela frente.


Trabalhar: palavra que associo a horas e horas em frente a trabalhos da universidade, a tentar perceber porque raio o relatório apenas contém o cabeçalho e no entanto o relógio bate já a hora de retirada


sinto-me: Ninja :D
música: Flight Of The Conchords Business Time

Janeiro 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
18
19

20
22
25
26

27
29
30
31


Pesquisar
 
subscrever feeds
blogs SAPO