Ammartins ( Tó ) @ 09:48

Seg, 09/06/08

E assim do nada já estamos a meio do ano :S..

 

Exames ali já na esquina BRRRR medo medo medo

 

 

 

( Editado bla bla bla por bla bla bla )

 

Parece que nem dei pelo tempo a passar .


Sentimentalismos de lado, a culpa de não ter sentido o tempo passar é do


sinto-me:
Tags:


Ammartins ( Tó ) @ 00:13

Qui, 29/05/08

E quando vão ao armário tiram o fato que usaram uma vez . . .

 

E 6 anos depois  precisam dele  e ...

 

 

WEEE AINDA SERVE

 

( Odeio vestir fato :P mas é por uma boa causa força OBTF sempre a descer depois deste mês  )


Tags: ,


Ammartins ( Tó ) @ 14:49

Sex, 04/04/08

Já a minha avó tinha a mania de ler nos livros ou ouvir nas notícias informações de doenças e vinha logo a correr dizer.
-"É mesmo isto que eu tenho! Fernanda já te tinha dito e não ligaste nenhuma, estás a ver o que eu tenho?!"
 
Nos instantes seguintes eu e a minha mãe fazíamos questão de mostrar que não estava correcto mas enfim :P "old people" não mudam.
 
A minha mãe herdou agora isso da mãe dela (minha avó :P ) ehehe, o mau nisto é que a minha mãe é aquele tipo de doente que nenhum médico quer ter na vida, não é chata, está é demasiado bem informada.
 
Agora diria que esse problema saltou em parte da nova geração e veio parar a mim.
Já tinha escrito que não era um grande fã do calor, embora sempre que desafiado vou para a praia sem queixas :D e gosto de férias no Verão. No entanto sofro de um mal que é incómodo até mais não :S suo demasiado e o mais chato é que até pode nem estar muito calor mas pimba lá estou eu a suar.
 
Como "grilinho" que sou, e mais parecido com a minha mãe era impossível  :D ficar parado.
Decidi pesquisar na net e em meia-hora pensei para comigo.
-" É mesmo isto que eu tenho. (Sudorese)"

sinto-me: Que calor
música: Ao som da Mega Fm
Tags: ,


Ammartins ( Tó ) @ 11:41

Seg, 31/03/08

Não não é a série tão aclamada por todo o mundo ( que eu nunca vi P ).
Esta manhã ao chegar ao emprego reparei que não trazia comigo o BI. Sem BI não entro no local de trabalho (longa história P ) entrei logo em pânico geral.

Ligar á mãe (é uma espécie de safa filho) e lá a meto a par da situação (ainda que ela estava meio a dormir) tomou nota de tudo e foi logo tratar do meu problema.

Meia-hora depois recebo toda a informação sobre o que necessito fazer em caso de perda do BI, ligar aos bancos (não que seja muito rico P mas Deus me livre de alguém ir almoçar ao Macdonalds á minha conta!!), ligar á policia para dar informação sobre a perda do cartão, avisar o local de emissão do cartão, etc ...  enfim uma parafernália de acções só para não ter alguém a almoçar ou fazer algo pior em meu nome.

Tendo em conta que sou um rapaz um pouco nervosito , mas tipo muito pouco (perder o BI é tipo "fim do mundo") quase que perdia uma manhã de trabalho , isso sim era mau. Mas não se preocupem o BI foi encontrado :D, é verdade, quer dizer ele não esteve perdido dado que todo este tempo esteve escondido debaixo da toalha do banho lá em casa :P
Sacana do BI não quis foi vir trabalhar hoje :S .

Só vos digo isto, perder o BI é ter que ligar para Bancos, Policia, Entidade emissora do documento, e tratar de um novo? Bem nem quero pensar na trabalheira que teria :S .

Tags: ,


Ammartins ( Tó ) @ 21:30

Dom, 17/02/08

Sempre me pergunto no final de um semestre;
- De que vale trabalhar que nem um doido, se é um exame que nos diz se fazemos a cadeira ou não?
Este semestre tive a experiência que tanto receei. Trabalhar que nem um doido e para quê?

Para nada!! Já que um "oito" na pauta consegue dizer mais que as idas ás aulas, apresentar todos os trabalhos e todas as horas perdidas a estudar.
Nada me deixa pior do que não passar a uma cadeira para a qual trabalhei que nem um doido. É como que um balde de água bem fria logo pela manhã.
CG para o ano terá que ser feita.

sinto-me:
Tags:


Ammartins ( Tó ) @ 18:37

Sab, 02/02/08

Estive vai não vai para apagar este texto quando o acabei, mas não o fiz. O que me levou a tal atitude?

É simples,  um dos meus maiores medos veio ao de cima.

Não, a Nintendo não faliu.


Pior, muito pior, mas antes de o deixar aqui vou contar como tudo se passou.


Numa ida ao Vasco Da Gama, para trocar uma compra na Vobis, decidi parar para um corte de cabelo.

Para começar sou presenteado com uma vasta escolha de cortes dispostos numa revista, meus caros amigos não existe nada mais triste que olhar para um espelho e pensar que o corte de cabelo do Modelo X ficaria muito melhor em nós, ou que ficaremos uma Sex Bomb se tivermos um corte igual ao do Modelo Y. Passado o choque  optei pelo clássico 22.

Já no fim do corte, o pesadelo torna-se realidade.

-"Ah caro senhor não lhe cortei mais a franja para que não se vejam as entradas"

Pau, caiu quem nem bomba, e doeu, Eu entradas? Eu com hipóteses de ficar careca'  .... NÃOOOOOO NÃOOOO.


Lado positivo, na Vobis devolveram o total dos euros gastos.



sinto-me: Cool
música: Prison Sex ( Tool )
Tags:

Novembro 2012
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
16
17

18
19
20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30


Pesquisar
 
subscrever feeds
blogs SAPO